Comunicati Stampa

Novidades na Scuderia Iveco 2010
A Scuderia Iveco prevê uma temporada de rápida evolução em 2010 na Fórmula Truck. A equipe oficial da Iveco traz uma série de novidades em termos de pacote competitivo, na dupla de pilotos e na exploração da marca naquela que é a maior competição do automobilismo brasileiro. “Esta é apenas a nossa terceira temporada e acreditamos na possibilidade de uma vitória neste ano”, afirma Alcides Cavalcanti, diretor de Vendas e Marketing da Iveco.
 

A Scuderia Iveco vem crescendo na Fórmula Truck, categoria em que estreou em 2008. Em 2009, a equipe conquistou cinco pódios e terminou o campeonato em quarto lugar entre os times, ultrapassando marcas com mais tempo de competição. “Temos menos tempo de desenvolvimento do que alguns adversários, mas estamos evoluindo rápido e, em 2010, queremos ir ainda mais alto e mais longe”, diz Cavalcanti.
 

“Nosso otimismo se baseia na evolução dos caminhões Iveco Stralis de corrida, que receberam muitas modificações mecânicas que aumentaram sua competitividade nas pistas”, diz Fernando Ribeiro, gerente de Marketing da Iveco. O motor Iveco FPT de 13 litros foi colocado mais para trás no chassi, para melhorar o equilíbrio entre frente e traseira, e o sistema de refrigeração do motor foi redimensionado. O entre-eixos cresceu cinco centímetros, sem alterar o comprimento total do veículo, e as suspensões foram redesenhadas. A parte interna da cabine foi reformulada, para maior conforto dos pilotos.
 

Mariana Felício, ex-BBB, será piloto do Iveco Pace-TruckO pacote aerodinâmico é amplo. “A modificação mais visível é o novo spoiler dianteiro, maior e mais pronunciado”, comenta Ribeiro. A entrada de ar sobre a cabine ficou mais larga e mais baixa. Há, também, um novo aerofólio superior. As carenagens laterais foram redesenhadas, ficaram mais altas e terminam em paralamas que funcionam como aerofólios traseiros.

A pintura também mudou. A cor predominante ainda é o vermelho, mas agora tem tonalidade mais escura. As faixas brancas pontiagudas, uma das marcas registradas da Scuderia Iveco, permanecem agora com novo tratamento de cor e acabamento. A mesma proposta visual é adotada no Pace-Truck oficial da competição, que nesta e na próxima temporada será um Iveco Stralis. “Buscamos a boa exposição da marca com ações como essas, que valorizam nosso investimento”, explica Marco Piquini, diretor de Comunicação da Iveco. “A nova identidade visual se estende aos boxes e ao nosso ponto de acolhimento e entretenimento de clientes e convidados”, completa Piquini.

 

DUPLA DE PILOTOS BASTANTE COMPETITIVA

Outra novidade da Iveco para a temporada 2010 está na dupla de pilotos. Beto Monteiro, que pilotou na equipe em 2009 (terminando o ano em sétimo lugar, com quatro pódios), continua a bordo do Iveco Stralis número 88. “O avanço é visível, seja no caminhão, seja no trabalho da equipe, e temos a certeza de resultados marcantes neste ano”, diz o pernambucano Monteiro, que estreou na F-Truck em 2001, categoria em que foi campeão em 2004. Ele já acumula cinco vitórias na competição.
 

Ao seu lado, no caminhão número 33, estreia na categoria o piloto mineiro Cristiano da Matta, que retorna às pistas desde o acidente que sofreu em 2006, nos Estados Unidos, ao colidir com um cervo que invadiu a pista durante um treino da F-Indy. Convidado no final de 2009, aceitou o convite com entusiasmo. “A F-Truck é muito competitiva e é recebida com grande vibração do público”, afirma da Matta. “A Iveco tem investido na competição e estou bastante animado nesta primeira temporada”, conclui ele.