Comunicati Stampa

Iveco vendeu 600 caminhões na Fenatran 2009
A Iveco vendeu 600 caminhões durante a Fenatran 2009 - Feira Internacional do Transporte, realizada no período de 15 e 30 de outubro em São Paulo (SP). “O desempenho positivo é resultado do planejamento estratégico da empresa, que levou a uma importante soma em investimentos no mercado brasileiro nos últimos dois anos”. A avaliação é do executivo Alcides Cavalcanti, diretor comercial da Iveco para o mercado brasileiro, que lembra que os números foram semelhantes aos da Fenatran 2007, considerado o segundo melhor ano em vendas da indústria de caminhões.

 

Somente em 2009 a fabricante investiu em uma nova unidade de produção de caminhões semipesados e pesados em Sete Lagoas (MG), lançou dois novos caminhões: Iveco Cursor e Iveco Tector Stradale, apresentou a nova família de caminhões médios Iveco Vertis, além de versões cabines duplas da linha Daily e o desenvolvimento do primeiro caminhão elétrico do Brasil em conjunto com a Itaipu Binacional.

 

Na Fenatran, o veículo mais procurado pelos frotistas foi o Iveco Cursor, lançado em outubro. No total, a Iveco comercializou no evento mais de 150 unidades do modelo, considerado o melhor e mais moderno cavalo mecânico do segmento de 45 toneladas de PBT (Peso Bruto Total). Entre os compradores estão empresas como Atende Logística, Vic Logística, Interlink, Transzape, Transportadora Progresso e Mercotrans.

 

Além dos negócios realizados diretamente pela fábrica, as instituições Iveco Capital e Consórcio Iveco também tiveram excelente participação na Fenatran 2009.

Nos meses de agosto, setembro e outubro a divisão Iveco Capital financiou um total de 1.013 unidades, que representaram 42% do universo das vendas financiadas e 33% das vendas totais da fabricante no período. Nesse trimestre, o Finame representou 68% do volume e o ProCaminhoneiro veio em segundo lugar com 19%, evidenciando a importância dessas linhas de crédito do BNDES no financiamento de caminhões.

 

“Acreditamos que o ambiente gerado pela Fenatran contribuiu para que em outubro atingíssemos um recorde de unidades financiadas, com 432 caminhões vendidos. Os clientes estão desengavetando investimentos, impulsionados pelas taxas atrativas dos planos de financiamento e principalmente pela retomada do crescimento econômico”, explica Jucivaldo Feitosa, diretor de operações do Iveco Capital.

 

No primeiro semestre de 2009, o Iveco Capital fechou um total de R$ 212,2 milhões em novos negócios, divididos em R$ 61,5 milhões para a modalidade CDC, R$ 18,2 milhões para leasing (operação iniciada apenas em abril) e R$ 132,5 milhões nas operações de Finame.

“O reflexo positivo dos negócios é percebido principalmente durante e após o mês de setembro, quando houve uma elevação de 30% nas solicitações de crédito, principalmente em razão das novas regras do Finame e ProCaminhoneiro, que entraram em vigor no mês de agosto e serão aplicadas até o dia 31 de dezembro”, completa Feitosa.

 

Com a modalidade Consórcio Iveco a notícia não foi diferente. Foram comercializadas cerca de 100 cotas somente na Fenatran. Os produtos mais procurados foram os caminhões Tector e Stralis. Para Adriano Bruni, gerente de operações da operadora, esta edição da feira foi comparativamente melhor em volume de negócios que a edição anterior, realizada em 2007.

“Atribuo o resultado à Promoção Especial Fenatran, intitulada “Olé na Espanha”, aplicada durante o evento”, conta o gerente. Na compra de cotas dos veículos Stralis, Trakker, Cavallino, Cursor e Tector, o cliente ganhou automaticamente, ou seja, sem sorteio, uma viagem para a Espanha. O roteiro inclui visitas às cidades de Madri, Toledo e/ou Segóvia, Barcelona, à fábrica da Iveco em Madri, além de ingressos para um show de dança flamenca. As viagens acontecerão em dezembro.

 

De janeiro até agora, o Consórcio Iveco vendeu 1.100 cotas de veículos Iveco. A previsão até o fim do ano é chegar a 1.500 cotas, o que deve gerar um crescimento de 30% em relação a igual período de 2008.